Como educadores, lancemos boas sementes...

.

quarta-feira, 27 de março de 2013

Palestra aos pais na Oitava Igreja Presbiteriana de BH


Estive ontem na Oitava Igreja Presbiteriana de Belo Horizonte, para ministrar uma palestra aos pais com o tema do meu livro:
“Afinal, quem manda nesta casa?”
Criar filhos no sec XXI é um grande desafio! Surpreendeu-me o número de pessoas presentes: como podem ver na foto ao lado, a igreja estava bem cheia!
Isso vem mostrar o envolvimento e interesse destes pais por seus filhos. E ainda, como estão se sentindo perdidos e buscando contato com outros para trocar experiências e elaborar soluções.
Falamos sobre a nova família brasileira, segundo os dados recentes do IBGE.
Famílias, tradicionais, Famílias monoparentais, Famílias recasadas, Famílias ampliadas e Famílias não convencionais.
Destacamos o fenômeno da globalização e as pressões que ela nos traz, bem como suas repercussões para as relações familiares. Por último, falamos sobre as várias facetas da educação e dos cuidados que os pais devem dispensar aos filhos:
Cuidados físicos:

-Alimentação, sono, cuidados pessoais, sexualidade;
Cuidados afetivos:
- Construção da auto estima, através de elogios da pequenas conquistas, valorização das qualidades do seu filho, contatos físicos, como abraço, beijo etc.
Cuidados Pessoais e Sociais:
-Importância da delimitação de regras claras e colocação de limites. As regras sociais devem ser observadas e cumpridas, para que as relações com as pessoas sejam harmoniosas.É necessário também um monitoramento das amizades dos filhos, bem como estar atentos ao que eles estão tendo acesso,  principalmente através da internet.
Cuidados Cognitivos:
-Cuidar do intelecto do seu filho também faz parte dos cuidados essenciais. estimular a leitura, levá-lo em atividades culturais, conversar sobre atualidades e cultura geral.
Cuidados espirituais:
-Ler a bíblia, orar, envolver-se em atividades sociais, contribuir financeiramente.

Foi um momento muito rico e abençoado! 

Agradeço ao pastor Roberto e sua esposa e á equipe do ministério de casais, com quem estou na foto, pelo convite e pela pela confiança. Que Deus abençoe todas as famílias!
Agradeço muito a fotógrafa Maria Onices Maier, que fez as fotos com muito carinho e profissionalismo. Deus abençoe a vida dela!

terça-feira, 26 de março de 2013

Palestra na Igreja Batista Nacional do Encontro


No domingo a noite, fui convidada para levar uma palavra na Igreja Batista Nacional do Encontro,  em Belo Horizonte. Muitas pessoas estavam ali, todos ávidos por aprender mais sobre como melhorar as relações familiares. 

Na foto estou com o pastor Renato e sua esposa, Carla, que me receberam com o maior carinho do mundo!

Minha exposição destacou o papel de cada um no lar, baseado na bíblia, no texto de efésio 5 e I Pedro 2. Vimos que a família espelha a relação de Deus conosco onde Jesus é comparado ao noivo e a igreja à noiva.

O papel do marido é amar sua esposa, assim como Cristo amou a igreja e a si mesmo se
entregou por ela.

 À esposa cabe submeter-se e respeitar o seu marido. Aos filhos cabe a obediência e a honra. Se cada um fizer o que Deus nos ordenou é certo que a harmonia vai reinará na sua casa!

Fui tratada , como sempre, com muito carinho. Agradeço muito pelo convite e confiança

segunda-feira, 25 de março de 2013

Palestra no Encontro de Mulheres na Igreja do bairro Serrano


Fui convidada para dar palestra no Encontro de Mulheres da Federação de SAFs . O mesmo aconteceu na Igreja do bairro Serrano. Fomos muito bem recebidas e o encontro estava bem cheio. Havia mais de 80 mulheres!

Conversamos sobre os desafios da mulher no século XXI e sobre as pressões ás quais somos submetidas cotidianamente.
Destacamos alguns desafios a serem transpostos:

Pressão estética- temos que ser magras, bonitas, jovens, arrumadas...Isso é pura ilusão! Todo mundo envelhece, todo mundo engorda, enfim, todo mundo é humano.
 
Pressão por qualificação e sucesso profissional- somos pressionadas a trabalhar fora, estarmos sempre á frente dos homens, mostrar competência... o trabalho fora de casa é visto como a única forma de se obter independência e sucesso. Isso não é verdade. Podemos ser felizes de várias maneiras. É possível às mulheres que não trabalham fora, serem felizes e se sentirem bem sucedidas.
 
Vimos as repercussões da globalização na vida das famílias, no mercado profissional e destacamos grandes desafios mundiais no combate á discriminação contra a mulher.
Destacamos três pontos principais,segundo a ONU, que carecem de políticas públicas;
A violência doméstica, a mutilação das mulheres na África e o poder de decisão da Mulher.
Ao final foi servido um delicioso lanche!
Agradeço pelo convite. Foi muito bom "bater este papo" com estas mulheres!

domingo, 17 de março de 2013

Encontro de Mulheres em Pará de Minas


Estive, durante todo o dia de sábado, em Pará de minas, MG, dando palestra no encontro de Mulheres, promovido pela Igreja Batista da Paz. Evento maravilhoso, muito bem organizado e que levou ao salão mais de 150 mulheres. Dez igrejas diferentes estavam representadas lá. Na foto estou com o pastor Vicente. Ele e sua esposa, a pastora Adriana, me receberam com muito carinho e honra.
Teve o momento saúde, onde nutricionistas calcularam o IMC de cada uma, pesaram as mulheres,fizeram orientações alimentares, destacaram  a importância do controle da pressão, da diabetes dentre outros cuidados.
Eu não pude participar deste momento, porque, para calcular o IMC  ( Índice de massa corporal) de alguém e necessário saber o seu peso, pois a fórmula consiste no seguinte:
IMC =                Peso            
               (Altura X Altura)
Acontece que o meu peso é um segredo entre mim e Deus. Eu jamais me pesaria na frente daquela mulherada toda.kkkkk
Teve também lanche coletivo, cesta de trufas e na minha palestra falei sobre os desafios da mulher na pós modernidade.
Quatro pilares devem ser observados no cuidado consigo mesma:
Cuidados físicos- Alimentação, sono, saúde e sexualidade
Cuidados Intelectuais- Praticar leituras, fazer programas culturais, estar po dentro das atualidades e estimular o cérebro.
Cuidados sócio- afetivos- Cultivar boas amizades, boas relações familiares, cultivar a auto estima, cuidar da aparência
Cuidados espirituais- ler a bíblia, orar, envolver-se com a  igreja, ofertar.

Cuidando destes pilares teremos uma vida equilibrada e saudável.

Após minha palestra, foi servido um maravilhoso jantar e comi além do que devia....
Muitas irmãs compraram meu livro, pediram dedicatórias e aconselhamentos. Foi uma delícia estar alí! E já fui convidada para voltar em julho, para o encontro de casais.
Agradeço a Deus pelo carinho de todos comigo e pelo ministério que Ele mesmo me confiou.

segunda-feira, 11 de março de 2013

Encontro da família na Igreja batista El Elyon

Estive durante todo o fim de semana,  no encontro da famíia na igreja Batista El Elyon, em Venda Nova.O evento foi dividido em três partes:

1- Sábado a noite, palestra só para mulheres.  Conversamos sobre o que os maridos esperam das esposas e nos baseamos em pesquisas realizadas no Brasil e publicadas em artigos acadêmicos. Eles querem:

Respeito;
Vida sexual ativa;
Admiração;
Ser prioridade;


2- Domingo de manhã, palestra só para os homens. Conversamos sobre a diferença ente machismo e masculinidade. Vimos que a masculinidade é um processo que vai sendo construído ao longo da vida e que ações de gentileza, companheirismo e afetividade não representam fraqueza ou ausência de masculinidade. Destacamos a importância do diálogo, do reconhecimento dos erros, do desvencilhar-se da mãe, para se dedicar à nova família. Falamos sobre as responsabilidades de provisão e exemplo paternal.




3- Domingo á noite, Pregação para toda a igreja, com o tema: família. 

Muitas pessoas estavam ali, todos ávidos por aprender mais sobre como melhorar as relações familiares.

Minha exposição destacou o papel de cada um no lar, baseado na bíblia, no texto de efésio 5 e I Pedro 2. Vimos que a família espelha a relação de Deus conosco onde Jesus é comparado ao noivo e a igreja à noiva.
O papel do marido é amar sua esposa, assim como Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela. À esposa cabe submeter-se e respeitar o seu marido. Aos filhos cabe a obediência e a honra. Se cada um fizer o que Deus nos ordenou é certo que a harmonia vai reinara na sua casa! Na foto ao lado, estou com o pastor Roberto e sua esposa, Helena.
 Fui tratada , como sempre, com muito carinho. Agradeço muito pelo convite e confiança.

sexta-feira, 8 de março de 2013

Feliz dia da Mulher!


Hoje, dia 08 de março, comemoramos o dia da mulher. E sempre fica a pergunta: As mulheres e os homens são iguais?
Do ponto de vista ontológico, ou seja, do ser, somos todos iguais. Todos nós temos as mesmas necessidades, precisamos de afeto, comida, cuidados e somos da mesma raça- a humana. Todos somos criaturas de Deus.
Porém há diferenças entre os sexos. Diferenças físicas,  diferença nos papéis a serem executados, diferença nos desejos, nos sonhos...
Mas, o que é ser mulher?
Pergunta difícil de responder, afinal desempenhamos tantos papéis ao mesmo tempo.... Quando estamos montando o cardápio de casa e cozinhando para a família, somos a cheff de cozinha.
Quando colocamos a mesa com o maior capricho e lavamos toda a louça, somos a copeira.
Quando arrumamos a casa, o quarto a cama e damos um toque especial na decoração, somos a camareira.
Quando cuidamos dos filhos doentes, do marido que não está bem, somos a enfermeira.
Quando ensinamos os deveres de casa, somos a educadora.
Quando fazemos orçamentos, escolhemos as frutas de época, fazemos um bolo em casa, somos a economista.
Quando trabalhamos fora, para realização pessoal ou ajuda no sustento do lar, somos a profissional.
 Mesmo com tantas contribuições, ainda há mulheres que não tem a verdadeira dimensão do seu valor. Não se amam, não se cuidam, não se permitem viver bem. Muitas se deixam maltratar, são vítimas de violência doméstica e são desvalorizadas por outras pessoas de seu convívio social.
E há algumas que entram em um ciclo de competição com os homens, pra ver quem pode mais e quem tem mais valor.
Ao invés de competir, vale á pena se complementar. Viver junto. Em comunhão e harmonia.
Vamos sonhar com um mundo onde as pessoas, independente de serem  homens  ou mulheres, sejam apenas FELIZES!
A você mulher, que luta, trabalha e sonha todos os dias, o meu abraço e a minha homenagem!

quinta-feira, 7 de março de 2013

Palestra no Chá de mulheres da igreja Batista Manain



Em antecipação ao dia Internacional da Mulher, fui convidada para dar uma palestra para as mulheres da Igreja Batista Manain,  sobre os desafios que a modernidade nos impõe.
Estiveram presentes várias mulheres, de idades variadas! Conversamos sobre as pressões ás quais somos submetidas cotidianamente.Destacamos alguns desafios a serem transpostos:

Pressão estética- temos que ser magras, bonitas, jovens, arrumadas...Isso é pura ilusão! Todo mundo envelhece, todo mundo engorda, enfim, todo mundo é humano.

Pressão por qualificação e sucesso profissional- somos pressionadas a trabalhar fora, estarmos sempre á frente dos homens, mostrar competência... o trabalho fora de casa é visto como a única forma de se obter independência e sucesso. Isso não é verdade. Podemos ser felizes de várias maneiras. É possível às mulheres que não trabalham fora, serem felizes e se sentirem bem sucedidas.

Vimos as repercussões da globalização na vida das famílias, no mercado profissional e destacamos grandes desafios mundiais no combate á discriminação contra a mulher.

Destacamos três pontos principais,segundo a ONU, que carecem de políticas públicas;
A violência doméstica, a mutilação das mulheres na África e o poder de decisão da Mulher.

Ao final foi servido um delicioso lanche!
Agradeço pelo convite. Foi muito bom "bater este papo" com estas mulheres!