Como educadores, lancemos boas sementes...

.

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Feliz dia do Professor!

Sabe quando você lê um texto, e gosta tanto, tanto, que dá vontade de ler de novo, e reler e reler e reler? Pois é. Aconteceu comigo quando li este texto do meu amigo, Thiago De Lazzari, de quem sou fã. E, ao invés de fazer uma homenagem com um texto meu, vou me valer do texto dele. Parabéns professores: vocês são meus heróis!!!


O Professor, não é um herói.

Por Thiago De Lazzari-
Coordenador de Marketing e TI do Colégio Dom Helvécio em Ponte Nova
Sangra, tem fome
Tem mãe doente,
Tem fatura de cartão
Escoliose, depressão
Ama, sorri e morre.
O Professor não é um herói.
Nem um ícone a ser louvado.
E pouco importa se no Japão ele é o único que não se curva frente ao imperador.
O professor sente dor. E muitas vezes (muitas) usando a voz pra trabalhar
Disfarça um nó na garganta.
O Professor não é um herói.
As dificuldades costumam ser cumulativas
E sedimentando ano a ano uma maré de sentimentos
no final, dorme pouco, pensa muito e se aposenta.
Daí, em um passeio matinal, ele encontra advogado, médico, economista.
Engenheiro, psicólogo... E uma frase comum: - Lembra de mim? Fui seu aluno!
Tão bom quanto qualquer contra cheque gordo! E apesar das mágoas, um sorriso no rosto.
Agora, o arrepio na alma, vem quando inadvertidamente, ele reconhece um aluno específico e lhe pergunta a profissão.
- Também sou professor!
Aí sim, a felicidade adoça o dia.
Definitivamente o professor não é um herói.
Mas é o mais perto que se chega pra se transformar em um..

Nenhum comentário:

Postar um comentário